História de dois Escoteiros alemães pela América do Sul

Padrão

Harry Pauli de 19 anos e Cornelius Schneider de 26 anos, deixaram a Alemanha em Novembro de 2013 (clima frio), foram para o Chile, chegaram na Argentina de onde seguiram para o Uruguai e vieram com a mochila de 23 quilos nas costas em uma grande aventura pela América do Sul. No mês passado os dois viajantes chegaram ao Rio de Janeiro, compraram bicicletas para poderem continuar a aventura seguindo a estrada Rio-Santos descansando por um dia na cidade de Paraty.

Os dois jovens contaram que no 1º dia de jornada sofreram muito por causa do calor e dos mosquitos. “Com esse clima quente fica difícil de dormir e os mosquitos nos atacam o tempo todo”, dizem os jovens escoteiros alemães. No dia 2 de fevereiro (domingo) chegaram à cidade de Santos onde foram recebidos pelos membros do 55/SP Morvan Dias Figueiredo, aproveitando bem o dia para conhecer as praias, os lugares turísticos e a cultura que é admirado pelos dois jovens, “As famílias aqui no Brasil sempre procuram reunir-se nos fins de semana comemorando e festejando sem motivo específico, na Alemanha é muito diferente, só nos reunimos em aniversários e Natal!” disseram Harry e Cornelius.

No dia 04 partiram as 06:00h da manhã, chegando as 11:30h da manhã na cidade de Peruíbe onde foram muito bem recebidos pelo 322/SP Grupo Escoteiro Mata Atlântica de Peruíbe e pela cidade de Peruíbe. Logo que chegaram foram encaminhados ao Peruíbe Suíte Flat Hotel onde foram recebidos pelo senhor Eduardo proprietário do hotel e amigo de Guto Favacho do Jornal Ágora que intermediou junto ao proprietário a possibilidade da hospedagem, que garantiu a hospedagem e o descanso dos escoteiros alemães, após um descanso merecido, passearam pela cidade aproveitando e muito as praias paradisíacas da região, no dia 05 se transferiram a residência da família Klahold participantes do movimento escoteiro em Peruíbe, a convite de dona Sofia, matriarca da família que é de origem alemã onde se sentiram literalmente em casa. Sendo recebidos também no mesmo dia na Câmara Municipal de Peruíbe pelos vereadores José Ernesto Lessa Maragni Júnior (Zeca) e André de Paula que deram as boas vindas desejando-lhes sucesso na aventura e colocando o município a disposição deles.

Com passeios e trilhas por cachoeiras e demais belezas naturais da região de Peruíbe os jovens partem no domingo dia 09 em direção a Foz do Iguaçu e Paraguai, com paradas para descanso e pernoite em cidades como Curitiba no Paraná, dando continuidade a aventura escoteira passando pela Bolivia, Peru e Equador antes de voltarem a Europa. Com a alegria de recebe-los mas com a tristeza do “Breve Adeus” a cidade de Peruíbe e o 322/SP GE Mata Atlântica, dão uma salva de palmas escoteira e gritam Bravo, Bravo, Bravíssimo a estes dois escoteiros que passam, marcando seus nomes em nossas vidas. Sempre Alerta, Irmãos Escoteiros!

Texto por Alessandro Andrade Coelho, do 322/SP GE Mata Atlântica.
Fonte: http://escotismo.org.br/index.php/2012-03-03-14-47-43/176-historia-de-dois-alemaes-escoteiros-pela-america-do-sul

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s